DESKTOP

Universidade de Curitiba tem resultados positivos em estudo contra o Alzheimer

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Cíntia Mazzaro

Estudo investiga o uso das folhas de pitangueira na área de neuro proteção. (Foto: Divulgação/Universidade Positivo)

O Alzheimer atinge 35,6 milhões de pessoas em todo mundo e 1,2 milhão só no Brasil. De acordo com a Associação Internacional de Alzheimer (AID), desde 1998 mais de 100 remédios foram testados, mas apenas quatro mostram algum benefício contra a enfermidade. Agora, uma nova esperança no combate a doença está surgindo a partir de uma pesquisa desenvolvida em Curitiba.

Pesquisadores do mestrado e doutorado em Biotecnologia da Universidade Positivo, que desenvolvem uma linha de pesquisa que investiga o potencial de substâncias que podem ajudar na luta contra o Alzheimer, descobriram que a pitangueira, árvore típica brasileira, pode ser uma aliada no combate à doença. “Observamos que o extrato das folhas da pitangueira, que possui diversas propriedades medicinais, como antioxidantes e anti-inflamatórias, apresenta um efeito neuro protetor, prevenindo prejuízos de memória em ratos de laboratório”, disse o biólogo Ilton Santos da Silva, professor do Programa de Pós-Gradução em Biotecnologia da UP e responsável pela pesquisa.

Parte dos ratos de laboratório recebeu uma substância que induz prejuízos e sintomas do Alzheimer e, então, foram tratados com o estrato das folhas de pitangueira por trinta dias. Depois eles passaram por uma série de avaliações de memória em labirintos construídos especificamente para esse fim. “Os resultados mostram que os animais com os sintomas da doença tratados com o extrato da folha de pitangueira foram capazes de manter a memória sobre experiências prévias no labirinto tão bem quanto os animais saudáveis”, afirma.

Segundo Silva, esse é o primeiro estudo que investiga o uso das folhas de pitangueira na área de neuro proteção – um campo de pesquisa que busca formas de tratamento para reduzir ou evitar a perda de neurônios, que é comum ao envelhecimento e mais ainda no caso de doenças neurodegenerativas. “A descoberta é um grande começo e abre um leque de possibilidades para a pesquisa na comunidade científica, que pode investigar mais detalhadamente os mecanismos de ação dessas substâncias naturais, com grande disponibilidade no Brasil”, finaliza o professor.

Veja Também

14 comentários em “Universidade de Curitiba tem resultados positivos em estudo contra o Alzheimer”

  1. I’m really impressed along with your writing skills and also with the format for
    your blog. Is this a paid subject matter or did you modify
    it yourself? Anyway stay up the excellent quality writing, it is uncommon to see a great weblog
    like this one nowadays..

  2. You actually make it seem so easy with your presentation but I
    find this matter to be actually something which I think I would never understand.
    It seems too complicated and very broad for me.
    I am looking forward for your next post, I’ll try to get the
    hang of it!

  3. Does your blog have a contact page? I’m having a tough time locating
    it but, I’d like to send you an e-mail. I’ve got some
    creative ideas for your blog you might be interested in hearing.
    Either way, great blog and I look forward to seeing it improve over time.

  4. Hello there! I could have sworn I’ve visited this blog before but after looking
    at many of the articles I realized it’s new to me.
    Nonetheless, I’m definitely pleased I stumbled upon it and I’ll be book-marking
    it and checking back often!

  5. Do you have a spam problem on this website; I also am a blogger, and
    I was wondering your situation; we have developed some
    nice practices and we are looking to swap methods with other folks, be sure to shoot me an email if interested.

  6. Can I just say what a relief to find someone who actually knows what theyre talking about on the internet. You definitely know how to bring an issue to light and make it important. More people need to read this and understand this side of the story. I cant believe youre not more popular because you definitely have the gift.

  7. Hey there are using WordPress for your site platform?
    I’m new to the blog world but I’m trying to get started and set up my own. Do
    you need any coding expertise to make your own blog?
    Any help would be greatly appreciated!

  8. Howdy, i read your blog from time to time and i own a similar one
    and i was just curious if you get a lot of spam
    comments? If so how do you protect against it, any plugin or anything you can suggest?

    I get so much lately it’s driving me mad so any help is very much appreciated.

  9. This is very interesting, You’re an excessively
    skilled blogger. I’ve joined your rss feed and sit up for in the hunt for more of your great post.
    Additionally, I have shared your web site in my social networks

  10. Thanks for another great article. Where else could anyone
    get that type of information in such an ideal
    manner of writing? I’ve a presentation next week, and I’m at
    the look for such information.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X