DESKTOP

Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Reinaldo Bessa

Conheça a Índia: o fascínio de Udaipur; grandes hotéis, palácios e lagos são os destaques da cidade localizada ao sul do Rajastão.

Foto 1 Dani - Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco

Os 1.444 pilares do Ranakpur Jain Temple são ricos em detalhes e foram esculpidos em mármore de maneira única. (Fotos: Arquivo pessoal)

Foto 1 Dani - Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco
Foto 2 Dani - Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco

O templo jainísta foi construído ao longo de 63 anos e se destaca por sua arquitetura.

Foto 2 Dani - Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco
Foto 3 Dani - Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco

O The Oberoi Udaivila é um hotel cinco estrelas localizado próximo ao lago Pichola.

Foto 3 Dani - Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco
Foto 4 Dani - Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco

O Oberoi Udaivila reflete o autêntico estilo e modo de vida da Índia. Oferecendo vistas refrescantes para os extensos jardins, árvores nativas e buganvilles vibrantes.

Foto 4 Dani - Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco
Foto 5 Dani - Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco
O Shesh Mahal at The Leela Palace possui 80 quartos e traços do estilo do Rajastão em sua arquitetura.
Foto 5 Dani - Udaipur, a cidade branca, é o tema da segunda coluna sobre a Índia da arquiteta Daniela Barranco

Daniela Barranco

Com mais de um bilhão de habitantes, a Índia é um país com uma imensa mistura de grupos étnicos, que se traduz em um coquetel cultural para qualquer viajante. Um país mágico, inesquecível e único, que cobra do turista uma entrega total ao desconhecido.

Neste segundo texto sobre a Índia, falarei um pouco sobre minhas experiências em Udaipur, a cidade branca, e o templo Jainista, em Ranakpur, ambos localizados ao sul do estado do Rajastão.

Ranakpur Jain Temple

O Jain de Ranakpur, conhecido como templo dos pilares, é simplesmente fascinante. O complexo, todo em mármore branco, foi construído no século XV com mais de 1.444 pilares esculpidos de forma única. Entre eles, um se sobressai devido à sua leve inclinação. O objetivo é mostrar aos visitantes que, mesmo com todo o esplendor do templo, não existe perfeição absoluta no campo material, sendo ela somente divina.

Udaipur

Considerada a Veneza do Oriente, Udaipur é famosa por sua beleza e por seus lagos. A cidade possui vários palácios que foram convertidos em hotéis indescritíveis, tornando a experiência de hospedagem totalmente encantadora.

Entre os mais famosos está o Taj Lake Palace, que é praticamente um cartão postal da cidade, localizado em uma ilha bem no meio do lindo lago Pichola. Apesar de sua rica arquitetura e de ter sido cenário do filme Octopussy, de 007, o hotel não está com uma manutenção digna de sua reputação. Vale a visita, mas não a hospedagem.

Já o Sheesh Mahal at The Leela Palace é pura elegância e charme absoluto. O hotel possui 80 quartos e toques do estilo Rajasthani em sua arquitetura. Com um serviço diferenciado e primer no atendimento, a chegada ao local é feita de barco.

O Oberoi Udaivilas, em que me hospedei, foi eleito algumas vezes como um dos melhores do mundo, uma construção suntuosa que reproduz a majestade dos antigos palácios, construído por artesãos locais em um estilo Mewari, seguindo à risca as tradições locais. Os detalhes encantam desde a entrada até cada um de seus lindos quartos. Além da extensa variedade de hotéis, opções de restaurantes com um cenário místico são um destaque a parte.

Outra grande atração é o City Palace, construído pelo marajá Udai Singh, que mistura estilos arquitetônicos com elementos indianos, europeus e chineses. Destaque a parte para os afrescos e pinturas, que retratam a grandiosidade de seus marajás ao longo das gerações.

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X