DESKTOP

Após série sobre a Índia, a arquiteta Daniela Barranco fala dos encantos da mexicana Tulum em sua coluna

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Daniela Barranco

FOTO 5 1024x768 - Após série sobre a Índia, a arquiteta Daniela Barranco fala dos encantos da mexicana Tulum em sua coluna
O grande diferencial da região é a ausência de grandes redes hoteleiras, com isso a exclusividade nas acomodações proporciona experiências únicas. (Foto: Arquivo pessoal).

Tulum é uma pequena vila de pescadores no Caribe mexicano. Devido às experiências que a região proporciona, tornou-se um destino descolado em design e arquitetura sustentável, resultando no bem-estar do corpo e da mente.

O conceito eco-luxo domina os projetos arquitetônicos mais recentes de Tulum, o que geralmente significa edifícios com energia suficiente, influência de estilos locais e conceito moderno. Tudo pensado para manter uma aparência despretensiosa, mas, ao mesmo tempo, sofisticada e descontraída.

Um dos pontos importantes para manter esse estilo é a ausência de redes hoteleiras e hotéis de grande porte. Isso foi essencial para o estilo intimista que tem sido formado por eco-arquitetos, empreendedores ecléticos, fashionistas e artistas.

A cidade conta com uma grande variedade de atrações naturais, infinitas opções gastronômicas e, falando em hospedagem, as acomodações são encantadoras. Mas aqui vou falar do quesito arquitetônico, que é a minha praia. Os pontos de destaque desse destino apaixonante são lugares como Azulik, Casa Malca, Ik Lab e Nomade.

O Hotel Azulik foi projetado para ser um local de reconexão espiritual e todo o espaço foi pensado para o contato com a cultura ancestral do local. O projeto seguiu as linhas orgânicas propostas pelos próprios troncos e solo da região, sem corte de árvores, criou espaços e móveis com cimento e bejuco retorcido (trepadeira local que pode ser moldada quando fresca e fica super-resistente depois de seca).

FOTO 3 768x1024 - Após série sobre a Índia, a arquiteta Daniela Barranco fala dos encantos da mexicana Tulum em sua coluna
O complexo conta com locais que proporcionam experiências únicas. (Foto: Arquivo pessoal)

Cada um dos 48 chalés, chamados de vilas, é caracterizado por sua harmonia feita de forma orgânica, perfeita com a selva maia. As acomodações permitem que os hóspedes tenham uma visão 360 graus de seus quartos à beira do Mar do Caribe.

Os chalés não possuem internet e nem eletricidade, tudo para minimizar o impacto ambiental que o empreendimento causaria na área. Mas as velas criam um clima aconchegante e romântico.

O Ik Lab, uma galeria no Azulik, foi idealizado totalmente inspirado na floresta local. A combinação perfeita de arquitetura vernacular, inovação tecnológica e sustentabilidade transformaram a galeria em um lugar para apreciar a arte.

Este espaço majestoso redefine a experiência típica ao fortalecer a relação orgânica entre a arte e seu ambiente físico. A estrutura insinua dimensões invisíveis à medida que a mente é levada a passear por uma experiência única. Este projeto visionário é uma homenagem à região, mas também é um lembrete gentil de que os seres humanos são apenas parte da natureza.

FOTO 6 1024x768 - Após série sobre a Índia, a arquiteta Daniela Barranco fala dos encantos da mexicana Tulum em sua coluna
Toda a decoração é voltada ao estilo mexicano. (Foto: Arquivo pessoal)

No Hotel Casa Malca, os arquitetos conseguiram unir diferentes estilos e releituras da natureza dentro de estética contemporânea, tudo em frente a um mar azul-turquesa. Lá você respira uma atmosfera aconchegante e descontraída, refúgio de luxo para se reconectar com os sentidos naturais.

O hotel é famoso por ter reconhecido o talento de muitos artistas contemporâneos em fase inicial de suas carreiras, formando um conjunto cuidadosamente selecionado de artistas e arte únicas e surpreendentes.

FOTO 2 768x1024 - Após série sobre a Índia, a arquiteta Daniela Barranco fala dos encantos da mexicana Tulum em sua coluna
Todo o hotel conta com uma estrutura composta por materiais naturais, respeitando o meio ambiente. (Foto: arquivo pessoal)

LEIA TAMBÉM:

Nomade Tulum é um hotel e Beach Club que traz o luxo simples da natureza com um visual nômade-chique. Uma maravilhosa mistura de detalhes hippies, peças mexicanas e influências marroquinas compõem esse lindo projeto.

As opções de acomodação variam de tendas nômades, suítes à beira-mar e vilas com vários quartos, oferecendo aos hóspedes um refúgio para aproveitar as diferentes experiências que o hotel pode proporcionar. Exalando uma vibração distintamente boho-cigana, cada quarto tem um terraço privado e fica a poucos passos da praia.

Viajar para Tulum está totalmente ligado a mergulhar em experiências projetadas para o bem-estar do corpo e da mente, com uma atmosfera comprometida com os cuidados do ecossistema e tudo com muita elegância, beleza e descontração.

FOTO 1 2 768x1024 - Após série sobre a Índia, a arquiteta Daniela Barranco fala dos encantos da mexicana Tulum em sua coluna
A arquiteta Daniela Barranco em Tulum no México. (Foto: Arquivo pessoal).

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X