DESKTOP

Amigos querem lançar Moro à presidência e já têm até slogan

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Reinaldo Bessa

sergio moro pronunciamento 2 2 - Amigos querem lançar Moro à presidência e já têm até slogan
O ministro Sérgio Moro confirmou sua demissão do cargo. (Foto: Divulgação)

O ministro Sérgio Moro, da Justiça e Segurança Pública, colocou nesta sexta-feira (24) o outro pé fora do governo, ao confirmar sua demissão do cargo. Ele deixou claro que sua decisão se deve às intromissões do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal, ponto sensível do governo – não apenas deste, diga-se. Ontem, o portal informou que Moro não admitiria ser o novo Mandetta de Bolsonaro ao anunciar seu provável pedido de demissão, baseado em uma declaração de um amigo próximo do então ainda ministro. Muitos encararam como mera especulação e outros a chamaram de pura fake news.

Ouvido novamente pelo portal após a confirmação da saída de Moro do governo, o mesmo amigo do agora ex-ministro disse que admiradores dele já preparam sua campanha à Presidência da República. Nos próximos dias outdoors devem começar a ser vistos com o slogan “Moro 2022. O Brasil dentro da lei”. O mesmo amigo acredita que, após um rápido período de descanso, Moro deve receber muitos convites para assumir super secretarias em governos estaduais e que o paulista João Dória já estaria de olho em seu passe.

Carta branca de Witzel

O primeiro a convidar Moro para assumir um cargo em seu governo foi o carioca Wilson Witzel (PSC), que postou em uma rede social: “Assisto com tristeza ao pedido de demissão do meu ex-colega, o Juiz Federal Sergio Moro, cujos princípios adotamos em nossa vida profissional com uma missão: o combate ao crime. Ficaria honrado com sua presença em meu governo porque aqui, vossa excelência, tem carta branca sempre”.

LEIA TAMBÉM:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X