DESKTOP

Whatsapp Web deve permitir videochamadas com até 50 participantes

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Monique Benoski

FsWUqRoOsPu 1 1024x538 - Whatsapp Web deve permitir videochamadas com até 50 participantes
Whatsapp Web terá um recurso para videochamadas com até 50 participantes simultâneos. (Foto: Divulgação)

A futura atualização ainda indisponível do Whatsapp Web terá um recurso para videoconferências com até 50 participantes simultâneos. Outra novidade é que o serviço vai integrar o Messenger Rooms à plataforma, permitindo que usuários sem conta no Facebook participem das reuniões. A integração do Whatsapp Web com o Messenger Rooms será inserida na atualização 2.20.139 do Android e também chegará a aplicativos iOS.

Diante da pandemia do novo coronavírus e do isolamento social, aplicativos com recurso de videochamadas estão se fazendo necessários, portanto, a iniciativa é também uma forma da empresa competir com outros serviços já disponíveis como o Zoom, o Google Mettings, O Hangouts e o Microsoft Teams. A ferramenta vai funcionar de forma muito similar às concorrentes, o administrador da reunião cria uma sala e compartilha o código de acesso ou o link com os outros usuários.

De acordo com o WABetaInfo, a novidade ainda em desenvolvimento também está testando a possibilidade de adicionar o atalho no menu “Anexar”. O botão de direcionamento será representado por um ícone de uma câmera e posicionado abaixo das opções de “fotos e vídeos”, “câmera”, “documentos” e “contatos”, já existentes no Whatsapp Web atualmente. Além disso, será disponibilizado um outro atalho no menu principal (ícone dos três pontinhos empilhados) por meio da futura opção “Create a Room” (Em português: “Crie uma sala”).

LEIA TAMBÉM:

Atualmente, as videochamadas podem ser realizadas em grupos de apenas oito participantes e somente pelo aplicativo móvel do Whatsapp. Quando as novidades forem adicionadas, o site vai apresentar uma breve introdução sobre o serviço de videoconferência, antes de direcionar o usuário para a plataforma do Messenger Rooms.

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X