DESKTOP

Paraná intensifica a fiscalização na divisa com São Paulo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Monique Benoski

normal  MG 2549 1 - Paraná intensifica a fiscalização na divisa com São Paulo
O Governo do Paraná está ampliando a fiscalização na divisa com São Paulo. (Foto: Rodrigo Felix Leal/AEN)

O Governo do Paraná está ampliando a fiscalização na divisa com São Paulo. O governador Ratinho Jr. definiu em reunião, realizada ontem (20) com secretários e equipes, que a partir desta quinta-feira (21), o número de agentes terá um aumento de aproximadamente 40% nos 11 postos em funcionamento – são nove postos da Polícia Militar e dois da Polícia Rodoviária Federal – e valerá durante todo o feriado prolongado paulistano que termina no dia 25.

A ação tem como objetivo a prevenção e orientação da população, além da identificação de pessoas com sintomas da Covid-19 para evitar que a circulação do vírus no Paraná aumente. Sintomáticos não serão impedidos de entrar no estado, porém, serão imediatamente encaminhados para um posto médico especializado e ficarão isolados até que o diagnóstico seja concluído. A fiscalização, o monitoramento e a triagem serão comandados pela Secretaria da Segurança Pública com o apoio da Secretaria de Estado da Saúde, Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Exército.

São Paulo é o estado que apresenta o maior número de mortos por coronavírus do Brasil. São 65.995 casos confirmados e 5.147 óbitos até terça-feira (19). Atualmente 22 policiais rodoviários atuam nos postos de fiscalização. De acordo com o secretário da Segurança Pública, Coronel Rômulo Marinho Soares, os profissionais da segurança já estão nesses pontos desde março. “A ideia é ter uma equipe a mais em cada posto para ajudar na fiscalização pois precisamos saber as condições de saúde das pessoas que pretendem entrar no Paraná”, disse.

MG 2615 1024x683 - Paraná intensifica a fiscalização na divisa com São Paulo
A ação é de prevenção e orientação da população, além de identificar pessoas com sintomas da Covid-19 para tratá-las e evitar a circulação do vírus no Paraná. (Foto: Rodrigo Felix Leal/AEN)

Litoral Paranaense

A Secretaria da Segurança Pública reforçou que o litoral do Paraná está com uma fiscalização própria para evitar aglomerações. Sem contar que parques e outros pontos turísticos estão fechados neste período por causa da pandemia. Marinho explicou que a ideia é prolongar a fiscalização mais rigorosa pelo menos até o fim de junho.

Agência Nacional de Transportes Terrestres

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) receberá um ofício do Governo com um pedido de diminuição da circulação de ônibus saindo de São Paulo com destino ou passagem pelo Paraná, restringindo também o número de passagens vendidas pelas companhias de ônibus.

LEIA TAMBÉM:

Outros estados vizinhos

Por orientação da Secretaria da Saúde, as equipes nas divisas com Santa Catarina, São Paulo e Mato Grosso do Sul – onde o trabalho de conscientização está funcionando também desde março – devem ser formadas 50% por enfermeiros e 50% por técnicos de enfermagem ou estudantes, para cada grupo e turno de trabalho. Eles estarão subordinados ao enfermeiro do posto que estiver no plantão.

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X