DESKTOP

Maurício de Sousa homenageia Quino, pai da Mafalda, que ficou órfã

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Reinaldo Bessa

Maurício de Sousa homenageia seu colega argentino Quino, pai da personagem Mafalda, que morreu nesta quarta-feira, aos 88 anos. (Foto: Divulgação)

O desenhista Maurício de Sousa, criador da Turma da Mônica, fez uma homenagem a seu colega argentino Quino, pai da personagem Mafalda. Quino, cujo nome de batismo era Joaquín Salvador Lavado, morreu nesta quarta-feira, aos 88 anos, em Mendoza, sua cidade natal. Mafalda, uma garotinha inconformada e questionadora, se tornou sua criação mais famosa. A personagem completou 56 anos nesta terça-feira (29).

Maurício de Souza diz que ele e Quino se tornaram irmãos latino-americanos para desbravar o mundo dos quadrinhos. (Foto: Divulgação)

Maurício de Sousa escreveu na mensagem: “O amigo Quino está agora desenhando pelo universo com aqueles traços lindos e com um humor certeiro como sempre fez. Criou sua Mafalda, hoje de todos nós, no mesmo ano em que eu criei a Mônica, em 1963. Por isso, nos tornamos irmãos latino-americanos para desbravar o mundo dos quadrinhos. Estive com ele em 2015, em Buenos Aires, no Centro Cultural Brasil-Argentina, onde o presenteei com uma Mônica ao lado da Mafalda na comemoração dos 50 anos das duas personagens. Uma pessoa dócil e um dos maiores desenhistas de humor de todos os tempos. Quino vive agora mais forte dentro de nós”.

LEIA TAMBÉM:

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X