Aeronaves da Polícia Militar dão agilidade à vacinação no Paraná

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

Em um mês, o Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas fez mais de 20 missões de transporte de vacinas e suprimentos no Paraná para combate à Covid-19. (Foto: Divulgação/BPMOA)

O transporte de vacinas, medicamentos e demais suprimentos hospitalares para os municípios do Paraná ganhou um aliado rápido nesta fase de vacinação contra a Covid-19. Em apenas um mês, de 23 de março a 23 de abril, o Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) realizou mais de 20 missões para transportar vacinas, medicamentos e outros suprimentos médicos para municípios do estado. O suporte conta com um avião, dois helicópteros e mais aeronaves da Casa Militar, que também coordena a distribuição.

“O suporte logístico aéreo é vital para que ocorra a distribuição de forma rápida e segura, permitindo que o plano de imunização seja contínuo e eficaz em todos os municípios do Paraná”, afirma o comandante do BPMOA, tenente-coronel Julio Cesar Pucci.

LEIA TAMBÉM:

O trabalho das Operações Aéreas prevê ações diárias de atendimento às unidades de saúde que necessitam dos imunizantes e outros materiais para continuar a vacinação da população. Em cada missão, as aeronaves da unidade atendem a vários municípios, fazendo com que os materiais cheguem ao destino com mais agilidade.

O trabalho desenvolvido pelo batalhão em apoio à Secretaria da Saúde prevê ações diárias para atender as 22 Regionais de Saúde localizadas em tidas as regiões do estado. Na última sexta-feira (23), foram transportadas 205.130 doses de vacinas que fazem parte do 14º lote encaminhado ao Paraná pelo Ministério da Saúde.

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X