DESKTOP

Arena da Baixada completa 20 anos e se consolida como referência no país em estádios modernos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Cintia Mazzaro

blank
Vista interna da Arena da Baixada (Foto: Jair Prandi)
blank
blank
Vista externa da Arena da Baixada. (Foto: Jair Prandi)
blank
blank
Em 2019, o estádio está completando 20 anos. (Foto: Divulgação)
blank
blank
As obras do estádio para a Copa do Mundo de 2014, ano em que ganhou projeção nacional e internacional. (Foto: Divulgação)
blank
blank
A Arena da Baixada em 1999, seu ano de inauguração. (Foto: Divulgação)
blank

Um dos estádios mais conhecidos do Brasil, a Arena da Baixada está completando 20 anos. Para comemorar a data, o Clube Athletico Paranaense relembrará, neste sábado (29), a primeira partida realizada em seu novo campo e enfrenta o paraguaio Cerro Porteño – mesmo time com o qual jogou na inauguração, em 20 de junho de 1999. Além do amistoso, o estádio irá receber um evento com diversas outras ações e o público poderá acompanhar a abertura da exposição Arena 20 anos, com uma série de fotos históricas do estádio Joaquim Américo Guimarães, seu nome oficial.

Desde a inauguração da Arena, em 1999, o estádio do Rubro Negro contava com um conceito moderno e inovador para a época. Mas foi na Copa do Mundo de 2014 que ela ganhou projeção nacional e até internacional. A estrutura inicial do estádio foi a responsável por garantir que fosse um dos escolhidos para o mundial, mas ainda eram necessárias obras de adequação estrutural para que a Arena pudesse receber os jogos. “A partir de um projeto conceitual que o clube já tinha, fizemos uma extensa pesquisa nas mais diversas arenas e estádios em quatro continentes e desenvolvemos o novo conceito de ocupação eficiente das grandes estruturas que sobram sobre as arquibancadas e a aproximação do espectador com o campo. A partir disso, sabíamos que este seria um dos principais diferenciais para garantir o sucesso do projeto”, comenta o arquiteto e engenheiro Luiz Volpato, responsável pelo projeto e construção da Arena da Baixada e por sua reforma em 2014.

Após a Copa, Volpato projetou e coordenou as obras de adequação do Modo Legado, entre elas a instalação da cobertura retrátil – única na América Latina –, o gramado sintético padrão Fifa, o novo boulevard e a frente comercial da Rua Buenos Aires, salas de imprensa, loja oficial, espaço Sócio Furacão, área de catering, além das adequações na setorização de acessos e arquibancadas. Para o arquiteto curitibano, os conceitos implementados na Arena da Baixada a credenciam como um dos estádios mais modernos, tecnológicos, eficientes e confortáveis do país.

Veja Também

blank

2 comentários em “Arena da Baixada completa 20 anos e se consolida como referência no país em estádios modernos”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

blank
X