DESKTOP

Aulas presenciais continuam suspensas nas escolas e nos CMEIs de Curitiba

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

aulas-presenciais-continuam-suspensas
As aulas na rede municipal de ensino continuam no modelo exclusivamente remoto. Na imagem, a Escola Municipal Professor Osvaldo Arns, no Tatuquara. (Foto: Levy Ferreira/SMCS)

As aulas na rede municipal de ensino de Curitiba continuam no modelo exclusivamente remoto. Para garantir a alimentação das crianças e estudantes enquanto durar o período de ensino online, a prefeitura continua entregando kits de alimentação, como vem sendo realizado desde o início da pandemia da Covid-19. O decreto em questão (número 662/2021) foi publicado nesta terça -feira (06) no Diário Oficial e não fixa prazo para a retomada de atividades presenciais em escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs).

O conteúdo curricular da educação infantil, do ensino fundamental do 1º ao 5º ano e da educação de jovens e adultos fase I está disponível na televisão aberta (TV Escola: 4.2 – Rede Massa | 9.2 – Paraná Turismo | 16.4 – TV Evangelizar) e no canal TV Escola Curitiba no YouTube, que já soma 36 milhões de visualizações e 143 mil inscritos desde a estreia, em abril de 2020.

As gravações incluem propostas da educação infantil, videoaulas de matemática, língua portuguesa, robótica, geografia, educação física, arte, ciências, história, ensino religioso, literatura, direitos humanos e família e o programa Linhas do Conhecimento para o ensino fundamental, além da educação de jovens e adultos.

aulas-presenciais-continuam-suspensas
O decreto não fixa prazo para a retomada de atividades presenciais em escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs). Na imagem, a Escola Municipal Theodoro de Bona, no Santa Cândida. (Foto: Daniel Castellano/SMCS)

Cadernos Pedagógicos

Este ano, os profissionais da rede municipal de ensino de Curitiba têm à disposição os Cadernos Pedagógicos de Unidades Curriculares de Transição, elaborados pelas equipes técnicas da Secretaria Municipal da Educação com base na produção do ano letivo de 2020. Os cadernos servem para subsidiar o trabalho dos professores e cada um pode trabalhar os conteúdos com sua turma conforme a necessidade dos estudantes. O material fica disponível no site da Educação. De acordo com a secretária municipal da Educação, Maria Sílvia Bacila, são 22 volumes de todas as áreas do conhecimento do ensino fundamental.

LEIA TAMBÉM:

Grade semanal para 2021 na rede municipal

Segunda-feira: Língua Portuguesa, Matemática e Educação Física
Terça-feira: História, Arte, Direitos Humanos e Família ou Linhas do Conhecimento
Quarta-feira: Ensino Religioso, Geografia, Práticas da Educação Integral
Quinta-feira: Língua Portuguesa, Ciências, Educação Física
Sexta-feira: Matemática, Língua Portuguesa, Robótica
Sábado: Matemática (Adequação Pedagógica), Língua Portuguesa (Adequação Pedagógica) e Literatura

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

blank

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

blank
X