Balé Teatro Guaíra lança vídeo em comemoração ao Mês da Consciência Negra; assista

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

Para comemora o Mês da Consciência Negra, novembro, o Balé Teatro Guaíra lançou nesta segunda-feira (22) o vídeo Ganga Zumba, nome que remete ao primeiro grande líder do quilombo dos Palmares. O vídeo reúne os bailarinos, músicos e funcionários administrativos e de serviços gerais em espaços do teatro para homenagear a cultura negra e conscientizar o público sobre o racismo.

Ganga Zumba é uma criação dos bailarinos Luana Nery, Leonardo Lino e Rodrigo Leopolldo, que dizem não querer falar apenas dos bailarinos, por isso convidaram todos os funcionários negros do teatro, por exemplo, a funcionária Rosa Silva, que aparece no saguão do Guairão na primeira cena, e Shirley Conceição, coordenadora e “coração” da Orquestra Sinfônica do Paraná. “O vídeo foi feito em cima do cotidiano e da profissão de cada pessoa”, afirma Luana.

O objetivo do vídeo é mostrar a beleza negra e combater o racismo. De acordo com Luana Nery, é um momento de reflexão, respeito e valorização de um povo que contribuiu para o desenvolvimento da cultura brasileira. “Consciência Negra significa reconhecer e valorizar a luta dos negros contra a discriminação racial e a desigualdade social que prevalece no mundo”, conclui.

Um dos motes que inspirou a reflexão dos funcionários do Teatro Guaíra é a frase “Numa sociedade racista, não basta não ser racista, é preciso ser antirracista”. A diretora-presidente do Guaíra, Monica Rischbieter, acredita que a arte tem o poder de transformar. “Essa é a nossa contribuição para construir uma sociedade mais justa”, acrescenta.

Assista ao vídeo:

(Vídeo: Balé Teatro Guaíra)

LEIA TAMBÉM:

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X