Curitiba envia 15 mil peças de roupas para a população do Haiti

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

O Haiti foi atingido por um forte terremoto no dia 14 de agosto e precisa de donativos para as famílias desabrigadas. (Foto: Divulgação/FAS)

A prefeitura de Curitiba enviou 15 mil peças de roupas ao Haiti, atingido por um tremor de magnitude 7,2 na escala Richter que destruiu parte do país e deixou mais de 2.200 mortos no dia 14 de agosto. O terremoto causou 12,3 mil feridos e muitas famílias ainda estão desabrigadas ou precisando de auxílio. A ajuda humanitária foi viabilizada pela Fundação de Ação Social (FAS), com arrecadação de agasalhos em parceria com o Instituto Zonta, mantido pela rede de supermercados Condor.

As roupas foram transportadas de caminhão até o Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais. A ação veio em resposta ao pedido feito pela Associação para a Solidariedade dos Haitianos no Brasil (ASHBRA), que é presidida pela fisioterapeuta haitiana Laurette Bernardin e tem sede em Curitiba.

Parceria

O presidente da FAS, Fabiano Vilaruel, explica que a doação não comprometerá o atendimento à população em situação de vulnerabilidade social de Curitiba. “Temos um estoque suficiente de roupas no Disque Solidariedade capaz de acolher as demandas das famílias atendidas nos 39 CRAS da cidade e ainda teremos novas edições de drive-thru da campanha ‘Doe Solidariedade’, o que aumentará as arrecadações”, diz.

As 20 lojas da rede Condor são pontos fixos de coleta de roupas e alimentos para a campanha Doe Solidariedade, desenvolvida pela prefeitura desde abril deste ano. O superintendente da rede, Wanclei Said, explica que é a segunda vez que a empresa se mobiliza para ajudar a população do Haiti. A primeira foi em 2010, quando o país foi atingido pelo terremoto que matou a médica Zilda Arns, com a arrecadação de alimentos. “Acreditamos que o olhar de humanidade deve romper as fronteiras, afinal, o mundo é um só”, disse o executivo.

LEIA TAMBÉM:

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X