DESKTOP

Curitibana, girafa Pandinha, a quarta mais velha do mundo, completa 32 anos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

blank
Girafa Pandinha, a quarta mais velha do mundo, completa 32 anos. (Foto: Isabella Mayer/SMCS)

O zoológico de Curitiba está em festa. A girafa Pandinha, que nasceu e vive no zoo, completa 32 anos neste sábado (1º). Festa propriamente não haverá por causa da pandemia, mas a data não passará em branco, já que a aniversariante continua sendo a girafa mais velha do Brasil e a quarta mais velha do mundo. Na natureza, um animal da espécie vive cerca de 15 anos. Para marcar a data, a equipe de Educação Ambiental do zoo vai promover uma série de atividades para a aniversariante exercitar seus hábitos naturais. Ela vai ganhar uma mesa com bolo de folhas e frutas, além de tubos e caixas com folhas e frutas.

Filha de Pacheco e Mandinha, Pandinha nasceu em 1989 e é um dos animais preferidos dos visitantes. As girafas mais velhas que a Pandinha ficam no Sri Lanka e em Fort Wayne e Tucson, nos Estados Unidos. A explicação para a longevidade da girafa, de acordo com a gerente-técnica do Departamento de Pesquisa e Conservação da Fauna, da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Vivien Midori Morikawa, está no tratamento constante e multidisciplinar que ela recebe da equipe do zoológico.

“Todos os animais do Zoo dispõem de abrigo, recebem alimentação de qualidade e balanceada, passam por cuidados médicos regulares e estão livres de predadores. Além disso, há maior enfoque na criação de habitats e ambientes sociais e interativos para que sejam mais felizes e menos estressados”, explica Vivien.

LEIA TAMBÉM:

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

blank

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

blank
X