Desembargadora Morgana Richa, do TRT-PR, deve assumir vaga no Tribunal Superior do Trabalho

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

A desembargadora Morgana de Almeida Richa, do Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região, com sede em Curitiba. (Foto: Arquivo pessoal)

A desembargadora do Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região, com sede em Curitiba, Morgana de Almeida Richa, foi a mais votada para a lista tríplice pelo pleno do Tribunal Superior do Trabalho (TST) para assumir a vaga aberta com a morte do ministro Walmir Oliveira da Costa.

O Diário Oficial da União desta terça-feira (9) traz um despacho da Presidência da República com o encaminhamento do nome dela para apreciação do Senado. A informação foi divulgada no Instagram da Associação dos Advogados Trabalhistas do Paraná (AATPR). Morgana é casada com José Richa Filho (Pepe), irmão do ex-governador Beto Richa.

LEIA TAMBÉM:

Morgana de Almeida Richa é formada em Direito pela Universidade Federal do Paraná (1989), tem mestrado e doutorado pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Além de ser juíza tiitular da 15ª Vara do Trabalho, no Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região, exerce o cargo de Coordenadora da Escola Judicial do TRTPR.

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X