DESKTOP

Empossados vereadores da 18ª legislatura da Câmara Municipal de Curitiba; sessão é presidida por estrela da Casa

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

blank
A vereadora Indiara Barbosa, do Novo, presidiu a sessão de posse da 18a. Legislatura da Câmara Municipal de Curitiba. (Foto: Rodrigo Fonseca/CMC)

Em sessão virtual na tarde desta sexta-feira (1º), a Câmara Municipal de Curitiba instalou sua 18ª legislatura (2021-2024). Com um índice de renovação de 47%, tomaram posse os 20 vereadores reeleitos e os 18 eleitos pela primeira vez. Conforme determina o Regimento Interno da Câmara, a cerimônia foi presidida pela parlamentar mais votada, a novata Indiara Barbosa (Novo). Eleita para o primeiro mandato, ela registrou o feito de pela primeira vez uma mulher ter sido a recordista de votos para uma cadeira no Legislativo curitibano.

Assim como na sessão preparatória, ela foi secretariada pelo decano da Casa, Tito Zeglin (PDT). Ele prestou o compromisso legal em nome dos demais vereadores, que o acompanharam, com a declaração de “assim o prometo”, por meio da plataforma Zoom, utilizada desde março para a realização das sessões plenárias, reuniões de comissões e demais atividades da Câmara Municipal.

A Mesa Provisória também contou com a presença de Carol Dartora (PT), a primeira vereadora negra do Legislativo de Curitiba e terceira mais votada, que leu o termo de posse. Além dela, Indiara Barbosa e Tito Zeglin assinaram os termos na sessão de instalação, realizada de forma virtual devido à pandemia da Covid-19.

blank
A vereadora Carol Dartora (PT), primeira negra a ser eleita vereadora em Curitiba e terceira mais votada na última eleição. (Foto: Rodrigo Fonseca/CMC)

Os demais parlamentares assinarão o documento e farão as fotos oficiais neste sábado (2), já que a sessão especial para a eleição da nova Mesa Diretora será presencial, a partir das 14 horas. Além do presidente da Câmara para o biênio 2021-2022, serão definidos o primeiro e o segundo vice-presidentes, 1º, o 2º, o 3º e o 4º secretários, o corregedor e o vice. A atividade também será transmitida, em tempo real, pelos canais oficiais da CMC no YouTube, no Facebook e no Twitter.

Prestigiaram a sessão virtual o presidente da Associação Comercial do Paraná (ACP), Camilo Turmina; o comandante da 5ª Divisão de Exército, general Carlos José Russo Assumpção Penteado; o tenente-coronel Pablo Damasceno Sales, que representou o general de brigada Ronaldo Morais Brancalione, comandante da 5ª Região Militar; e o diretor-geral do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), Valcir Mombach, que representou o presidente da Corte, desembargador Tito Campos de Paula.

Perfil da legislatura

A 18ª legislatura da Câmara Municipal de Curitiba tem 20 vereadores reeleitos e 18 “novatos”. Os primeiros são Beto Moraes (PSD); Dalton Borba (PDT); Ezequias Barros (PMB); Herivelto Oliveira (Cidadania); Marcos Vieira (PDT); Maria Letícia (PV); Mauro Bobato (Pode); Mauro Ignácio (DEM); Noemia Rocha (MDB); Oscalino do Povo (PP); Osias Moraes (Republicanos); Pier Petruzziello (PTB); Professor Euler (PSD); Professora Josete (PT); Sabino Picolo (DEM); Serginho do Posto (DEM); Tico Kuzma (Pros); Tito Zeglin (PDT); Toninho da Farmácia (DEM) e Zezinho Sabará (DEM). Os novatos são Alexandre Leprevost (Solidariedade); Amália Tortato (Novo); Carol Dartora (PT); Denian Couto (Pode); Eder Borges (PSD); Flávia Francischini (PSL); Hernani (PSB); Indiara Barbosa (Novo); João da 5 Irmãos (PSL); Jornalista Márcio Barros (PSD); Leônidas Dias (Solidariedade); Marcelo Fachinello (PSC); Nori Seto (PP); Pastor Marciano Alves (Republicanos); Renato Freitas (PT); Salles do Fazendinha (DC); Sargento Tânia Guerreiro (PSL) e Sidnei Toaldo (Patriota).

LEIA TAMBÉM:

A maior bancada será a do DEM, com cinco parlamentares. Com a eleição de oito mulheres, a bancada feminina manteve o recorde histórico de oito vereadoras. O Legislativo terá em plenário de cientista político a policial militar, sendo que o decano é Tito Zeglin, reeleito para o nono mandato. Entre os suplentes estão 13 ex-vereadores que não conseguiram a eleição, mas estão relacionados caso haja necessidade de substituições. Na legislatura anterior, sete suplentes foram convocados para assumir o mandato.

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X