Exposição de figurinos de contos de fadas abre festival “Era Uma Vez… Eram Duas, Eram Três”

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

A partir do dia 1º de julho a fachada do Teatro Guaíra, na rua Conselheiro Laurindo, receberá a exposição “Caminhos do Encantamento”, que marca o lançamento oficial do festival de teatro infantil “Era uma vez… Eram duas, eram três”. Toda a renda será revertida para crianças e adolescentes atendidos pelo Programa DEDICA e para ala Pediátrica do Hospital de Clínicas. Realizado pela Montenegro, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura e apoio da Associação dos Amigos do HC, neste ano o festival ganha novo formato em versão online. A mostra ficará em cartaz até o dia 30 de julho.

Figurinos confeccionados exclusivamente para a mostra trazem releituras de personagens como Cinderela, Chapeuzinho Vermelho, Bruxa do João e Maria, Madrastas, Fadas e o Pé de Feijão em estruturas recicladas. Sustentabilidade, reutilização e ressignificação de materiais estão presentes no trabalho do figurinista e artista visual Gustavo Krelling, que assina a criação. A riqueza está na diversidade de estilos, com resultados criativos e de cunho autoral. “Em minha proposta flerto sempre com as artes visuais, para propor ao espectador reflexões sobre o que está vendo em cena – materiais inusitados, texturas e novas possibilidades. Acredito que dessa maneira ampliamos a discussão do espetáculo em seu aspecto visual”, afirma o artista.

As peças são feitas com material que pode ganhar outra chance de expressão e estilo, evitando o descarte prematuro. Para essa exposição, o figurino da Cinderela, por exemplo, que tem como objeto icônico o sapato, é produzido inteiro com restos de couro de sapatos que iriam para o lixo. Os retalhos de restos são costurados em um vestido de baile. Na mesma proposta estão os figurinos de João e Maria e João Pé de Feijão.

Eepetáculos

 

A partir do dia 10 de julho, os espetáculos produzidos com exclusividade para o festival serão gravados no palco do Teatro Bom Jesus, cumprindo todos os protocolos de segurança da Covid. As gravações terão uma plateia diferenciada, formada por bonecos dos personagens pintados por pacientes do programa DEDICA, da Associação dos Amigos do HC, e terão suas transmissões na plataforma Hotmart (www.hotmart.com).

A estreia online para o público em geral será no dia 15 de julho com a obra Cinderela. A partir desta data, quem adquirir o ingresso poderá assistir ao vídeo da peça em alta qualidade com duração de 40 minutos de onde quiser, independente de horário, e ficará disponível até fevereiro de 2022. Na sequência, acontecem as seguintes exibições: João e Maria (19/08), Chapeuzinho Vermelho (30/09) e João e o Pé de Feijão (28/10).

As produções trarão leituras contemporâneas dos clássicos com linguagens que refletem temas cotidianos de pais e filhos. Um festival de múltiplas ideias, incontáveis saberes, diversas expressões de linguagens e qualificação, com atrações que aproximam o tradicional teatro para a infância e juventude da produção teatral contemporânea. 

De acordo com o diretor cênico do festival, Tiago Luz, cada peça traz uma possibilidade diferente, de música e visual, construção da dramaturgia. “Minha direção caminha para conectar o mundo da criança com o do adulto. A questão do teatro infantil ser para as crianças e para os pais é uma das principais coisas que me preocupo quando escrevo. Quem leva a criança para o teatro? O diálogo das cenas não é unilateral, somente para os pequenos, o foco também está nos pais”, conta.

Cinderela é quem abre a programação dos espetáculos. Essa adaptação, traz à cena uma inusitada abordagem sobre essa história. “Nossa Cinderela é um convite para que adultos e crianças, juntos, possam rir, se emocionar e construir caminhos possíveis na direção de um mundo mais justo, harmonioso e igualitário”, conta o diretor.

Contrapartida social

A contrapartida social desse projeto será realizada em parceria com a Associação dos Amigos do HC, que ficará com a renda integral da bilheteria, além de apresentações exclusivas aos pacientes do DEDICA – Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, programa de enfrentamento à violência infantil mantido pela associação, oficinas criativas e de contação de histórias. Ainda como parte do projeto, a construção de um novo espaço de leitura nas instalações do DEDICA está prevista para ser entregue no segundo semestre. Escolas públicas também vão receber apresentações dos espetáculos, que devem atingir um público total de 5.000 mil pessoas, entre alunos e professores.

É possível comprar ingressos para o espetáculo Cinderela pela plataforma Hotmart (www.hotmart.com) em duas modalidades:

  • CINDERELA: Ingresso digital que dá acesso ao vídeo da peça + 1 livreto digital de atividades “Brincando com a Cinderela”
    para download ou impressão – R$ 25
  • CINDERELA – COMBO: Ingresso digital + 1 mini almofada da Cinderela, que será enviada por correio para o endereço
    informado no cadastro do comprador com frete já incluso + 1 livreto digital de atividades “Brincando com a Cinderela”
    para download ou impressão – R$ 60

    Classificação etária: Livre
    Informações: www.montenegroproducoes.com

LEIA TAMBÉM:

Com uma equipe de produção formada por criativos, cenógrafos, figurinistas, jornalistas, designers, fotógrafos, cinegrafistas, técnicos de som e luz, músicos, produtores, advogados, contadores, intérpretes, entre outros, o festival movimenta a cena cultural desse início de ano. Com essa terceira edição, o festival deverá ultrapassar a marca de 10 mil espectadores. “Gerar valor aos produtos culturais é a fórmula de sustentabilidade de um segmento tão sensível às oscilações da política e economia. Ao nos colocarmos como parte da máquina, gerando empregos, renda, impactos sociais e de imagem, garantimos a continuidade das produções artísticas”, afirma Carolina Montenegro, diretora da empresa, que já aprovou e executou mais de 80 projetos.

Instituição Beneficiada: Associação dos Amigos do HC
Patrocínio: Credipar, Fertipar Fertilizantes, Cattalini, Jaguáfrangos, Tecnolimp, RDP Petróleo, Servopa, Engepeças, Trützschler, Elejor, Sanepar, Banco Digimais, PASA (Paraná Operações Portuárias), Ravato, Greca Asfaltos, Impress The Decor Company, Nórdica, Quasar, Ítalo Supermercados, Magnetron Componentes Elétricos
Apoio: Teatro Bom Jesus, Teatro Guaíra, Tutu Ateliê de Sapatilhas, Kromossomos Estranhos, Espaço Fantástico das Artes, Padaria América, Atelie Miniart
Realização: Montenegro

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Caroline Scoz Alves

Diretora Técnica da SulLaser Locações de Equipamentos Médicos e Estéticos a Laser, e Membro da Academia Americana de Laser. É proprietária do Centro de Especializado em Laser mais equipando do Paraná, A Clínica Senz. Além de ministrar treinamentos de capacitação, ela se dedica a palestras e demais atividades voltadas a área da Estética a Laser no Brasil e no exterior. Com mais de 14 anos de experiência na área, a Dra. Caroline é formada em Fisioterapia em 2004 pela UP, possui Mestrado de Tecnologia da Saúde pela PUC/PR, Curso de formação em Dermato-Funcional pela Belle Bonelli (Ludmila Bonelli em Belo Horizonte), Curso de Cosmeatria e Laser em London South Bank University; Membro da Sociedade Americana de Laser, Fellow na Universidade da Califórnia em Laserterapias, Curso de Laser terapia, Laser & Aesthetic Skin Therapy: What’s the Truth? (November 03-04, 2017) pela Harvard Medical School nos EUA, Feellow – Dr. Klaus Hoffmann em St. Josef-Hospital de Bochum na Alemanha (Março de 2018), Curso de Formação “Cynosure Laser Technology Course” em Hannover, (March, 03, 2018) pela Cynosure na Alemanha, Curso de Formação Asclepion na Heinrich-Heine-Universität Düsseldorf (Outubro de 2018).

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X