DESKTOP

Festas clandestinas proliferam em Curitiba; PM flagra mais uma, com 70 pessoas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

festas-clandestinas-em-curitiba
A casa, no bairro Boqueirão, tinha denúncias por perturbação do sossego e aglomeração. (Foto: Divulgação/SESP-PR)

Após denúncias de perturbação do sossego e aglomeração, policiais militares do 20º Batalhão de Polícia Militar (20º BPM) encerraram uma festa clandestina, na noite desta quarta-feira (03), em uma casa no bairro Boqueirão, em Curitiba. Cerca de 70 pessoas foram flagradas no local, sem máscara e consumindo bebidas alcoólicas. Todos foram encaminhados para lavratura de Termo Circunstanciado. A ação faz parte da fiscalização conforme o decreto estadual 6.983/2021, que estabelece medidas restritivas por causa da pandemia.

festas-clandestinas-em-curitiba
A festa clandestina contava com um cardápio de bebidas alcoólicas, além de energéticos e cigarros. (Foto: Divulgação/SESP-PR)
festas-clandestinas-em-curitiba
No local também havia grande quantidade de energéticos. (Foto: Divulgação/SESP-PR)

A abordagem ocorreu após a PM analisar a casa situada na Rua Desembargador Antônio de Paula e, com o apoio de várias viaturas, foi feita a abordagem. O som em alto volume foi verificado antes mesmo de os policiais chegarem ao portão. Eles constataram que as pessoas estavam aglomeradas e sem máscara, e havia venda e consumo de bebidas alcoólicas, ações contrárias ao decreto estadual, que veda essas e outras práticas para frear o avanço do coronavírus no estado.

blank
No local, as ações eram contrárias ao decreto estadual, que veda algumas práticas para frear o avanço do coronavírus. (Foto: Divulgação/SESP-PR)

LEIA TAMBÉM:

Segundo o Boletim de Ocorrência, ao verem as equipes policiais, as pessoas tentaram colocar máscara, apagaram as luzes e desligaram o som. Participantes informaram que havia a cobrança de ingresso no valor de R$ 20,00 para homens e R$ 10,00 para mulheres, além de cardápios de bebidas alcoólicas. Os policiais militares conversaram com a responsável pelo local e encaminharam 70 pessoas para o cartório do 20º Batalhão para fazer o Termo Circunstanciado. Dois adolescentes que também estavam na festa foram abordados e liberados com a presença dos responsáveis.

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

blank

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

blank
X