DESKTOP

Litoral vai manter barreiras sanitárias até domingo de Páscoa

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

blank
A Associação dos Municípios do Litoral do Paraná recomendou o fechamento das praias para evitar aglomerações. (Foto: Divulgação)

Mesmo com o aumento no número de casos de Covid-19 no Paraná e inúmeras recomendações para que as pessoas evitem aglomerações, muita gente desce para o litoral nos finais de semana e feriado. Para evitar que isso aconteça, a Associação dos Municípios do Litoral do Paraná vai manter barreiras sanitárias até dia 4 de abril, no domingo de Páscoa.

Na barreira da BR 277, que dá acesso à Pontal do Paraná, Matinhos, Guaratuba e Paranaguá, foram feitas mais de mil abordagens a veículos no último fim de semana. Metade dos veículos tiveram que dar meia volta. A guarda municipal faz a escola do veículo até um trecho da viagem, para se certificar de que o motorista retornou ao destino de origem. Além da BR 277, há várias barreiras espalhas pelas cidades, inclusive em Morretes e Antonina. De acordo com o prefeito de Paranaguá, Marcelo Roque, que é presidente da Amlipa, a rede hospitalar litorânea está sobrecarregada e não tem condições de atender moradores de fora.

LEIA TAMBÉM:

Entrada proibida na Ilha do Mel

A entrada e permanência de turistas na Ilha do Mel está suspensa neste feriado. A Prefeitura de Paranaguá publicou um decreto que proíbe a entrada de novos hóspedes no setor hoteleiro e pousadas, tanto na ilha quanto no continente. Os protocolos de segurança que estão em vigor na região, seguem sendo fiscalizados.

Como forma de conter o avanço da doença, algumas medidas estão sendo cumpridas. Além do cadastro de visitantes e barreiras sanitárias, três barcos do município estão atuando junto à Polícia Ambiental e o Batalhão de Polícia Militar na fiscalização por mar. Está prevista orientação sobre os cuidados de higienização e a obrigatoriedade do uso de máscara feita por equipes da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e por funcionários das secretarias municipais de Saúde, Agricultura e Pesca e Segurança. Caso haja necessidade da realização do teste da Covid-19, médicos e enfermeiros estão à disposição na localidade marítima.

Para a visitação a Ilha do Mel, é preciso possuir cadastro de reserva em estabelecimentos feito com 24h de antecedência de chegada. Quem trabalha com embarcações que prestam serviços, como passeio, deve respeitar a capacidade mínima de 60%. Ao final de cada viagem, deverá ser promovida limpeza e desinfecção dos acentos das embarcações e está proibida a comercialização de alimentos dentro das embarcações.

Na Ilha, os serviços de restaurantes, lanchonetes, mercados e bares, inclusive dos meios de hospedagem, deverão seguir as medidas de prevenção com a disponibilização de álcool em gel 70% para os clientes e funcionários, assim como limpeza de mesas, cadeiras, cardápios e o uso obrigatório de máscaras e o distanciamento de 2 metros, a partir do balcão e entre os clientes.

Barreiras autorizadas pela Justiça Federal

As barreiras sanitárias na BR-277, no litoral do Paraná, estão autorizadas pela Justiça Federal. A decisão foi assinada pelo juiz federal Guilherme Roman Borges, da 1ª Vara Federal de Paranaguá e é resultado de uma ação ajuizada pelos gestores de quatro municípios: Paranaguá, Pontal do Paraná, Matinhos e Guaratuba.

O juiz federal Guilherme Roman Borges determinou que a União se abstenha de proibir a realização de barreira sanitária na BR-277 e que a Polícia Rodoviária Federal mantenha o bloqueio e a segurança dos agentes públicos envolvidos na operação. O juiz ainda fixou multa diária no valor de R$ 10 mil no caso de descumprimento.

Ao ser parado em um bloqueio, o motorista deve apresentar documentos que comprovem que ele mora em uma das cidades do litoral. Caso não consiga provar, será barrado e deverá retornar para casa.

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

blank

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

blank
X