DESKTOP

Marca curitibana de granolas espera recuperação da economia para ganhar o mercado

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Monique Benoski

Granô granolas
A Granô oferece três sabores de granola: a fit, a salgada e a original. (Foto: Divulgação)

A marca curitibana Granô, nascida em 2019, aposta na retomada da economia com a vacinação, para ganhar as prateleiras dos supermercados e demais estabelecimentos alimentícios da cidade em 2021. O amor por cozinhar da fundadora, Juliana Thomasi Joaquim Cartaxo, a fez transformar o hobby em negócio.

Antes de lançar a marca, Juliana fazia cestas de café da manhã com produtos artesanais voltados para uma linha mais saudável, sendo que um deles era a granola. Porém, ela sentia falta de um produto que desse destaque às castanhas ao invés da aveia. Foi aí que resolveu fazer sua própria granola para compor as cestas. “Sempre gostei muito de tudo que desse crocância às comidas”, conta. Um tempo depois, ela parou com as cestas e seguiu apenas com seu produto autoral.

LEIA TAMBÉM:

No início, existia apenas uma versão, a Granô Original, adoçada com melado de cana. Com o tempo, Juliana viu a necessidade de criar algo voltado para as pessoas com restrição ao açúcar. Foi quando nasceu a Granô Fit, com adoçante e com teor maior de proteína na composição. Por último, criou a Granô Salgada, com a ideia de agradar aos que não são muito de doce ou até mesmo pulam o café da manhã. Segundo Juliana, por combinar com muitos pratos, como salada, sopa, ovos mexidos ou até mesmo como aperitivo, a opção salgada virou a queridinha da maioria dos clientes. “E em qualquer uma delas as castanhas e sementes são as protagonistas”, completa.

granô granolas
Combinação saudável com Granô Salgada. (Foto: Divulgação)

A pandemia atrasou um pouco os passos da Granô. No final de 2020, a marca ganhou uma nova identidade visual com a intenção de expandir e entrar em estabelecimentos comerciais de Curitiba, mas muitos não queriam arriscar colocar um produto novo nesse momento incerto em que o mercado em geral está segurando o consumo. “Acredito que 2021, com a melhora do comércio, que está acontecendo aos poucos, será melhor e em breve a Granô estará em vários pontos de Curitiba”, aposta.

Instagram da Granô: @grano.grano

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X