Marinha solicita suspensão de passeios de barco próximos às quedas das Cataratas do Iguaçu

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

Passeio Macuco nas quedas das Cataratas do Iguaçu (Foto: Divulgação)

A Marinha do Brasil solicitou nesta segunda-feira (10) que os passeios de barco próximos às quedas das Cataratas do Iguaçu, em Foz do Iguaçu, sejam suspensos temporariamente. A medida teve como base o acidente em Capitólio (MG) que causou a morte de 10 pessoas no sábado (08).

De acordo com a direção do Parque Nacional do Iguaçu, os chamados passeios secos, aqueles em que os barcos não se aproximam das quedas, continuam acontecendo. A Marinha também solicitou, por precaução, que seja mantida a distância das margens e encostas da região, até que sejam apresentados laudos e estudos geológicos que comprovem a segurança do local para passeios.

LEIA TAMBÉM:

Em entrevista ao jornal Meio-Dia Paraná da RPC TV, o diretor substituto do Parque Nacional do Iguaçu, José Ulisses, afirmou que o monitoramento do Parque é constante e que vê a medida como preventiva. “Estaremos apresentando e avaliando a necessidade de novos estudos ou não, e a depender do parecer da Marinha possivelmente os passeios voltem a sua totalidade em breve”, disse.

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X