Morre aos 111 anos Dona Dedé, mãe do craque Sicupira, dois dias após ser vacinada

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

blank
Dona Dedé, de 111 anos, morreu na manhã desta quinta-feira (11). (Foto: Reprodução Instagram)

Dois dias após ser vacinada contra a Covid-19, em Curitiba, Dona Ana Ribeiro Sicupira, conhecida como Dona Dedé, de 111 anos, morreu na manhã desta quinta-feira (11), em sua casa no Alto da XV. O anúncio da morte foi feito por seu filho, o ex-jogador Barcímio Sicupira Junior, de 76 anos, em suas redes sociais.

Leia a nota postada por ele: “É com muito pesar e uma dor profunda no coração que comunico o falecimento da minha mãe na manhã de hoje. Não tenho palavras para descrever o que ela significa para a nossa família. É um grande exemplo de benevolência e pureza. Sua ausência vai deixar muita saudade. Que ela possa descansar em paz. vamos sempre lembrar da doçura, da delicadeza, do bom humor, do grande coração. Teve um vida linda e longa”, declarou em suas redes sociais.

LEIA TAMBÉM:

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X