PF faz buscas em casa de jovem no Paraná que se diz ‘nazista reencarnado’

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação, com informações da Agência Brasil

Sede da Polícia Federal em Brasília (Foto: Agência Brasil)

A Polícia Federal (PF) cumpriu nesta quinta-feira (17) mandado de busca e apreensão na casa de um aluno do Instituto Federal do Paraná (IFPR), em Paranaguá, suspeito de ter praticado crimes de incitação ao racismo.

Em nota, a Delegacia de Paranaguá informou que o jovem, que se autointitulava um ‘nazista alemão reencarnado’, vinha divulgando mensagens depreciativas e de menosprezo ao povo judeu, e teria usado as redes sociais para veicular a cruz suástica e vídeos com imagens de massacres ocorridos nas cidades de Suzano (SP) e Columbine (EUA).

Na casa foram apreendidos dispositivos eletrônicos do jovem, que foi levado à Delegacia de Polícia Federal de Paranaguá para ser ouvido. Caso sejam comprovados os crimes, o rapaz poderá cumprir pena de até cinco anos de reclusão.

LEIA TAMBÉM:

Processo disciplinar

O IFPR disse que recebeu “com repulsa e tristeza a notícia de que um de seus estudantes está sendo investigado pela Polícia Federal por apologia a atos e ideais nazistas” e acrescentou que o estudante responde a um processo disciplinar no Campus Paranaguá. “O caso continuará sendo analisado nas instâncias institucionais apropriadas, no tempo adequado, e com respeito à ampla defesa, como deve ocorrer no Estado Democrático de Direito”, diz a nota.

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X