DESKTOP

Secretaria da Saúde atualiza resoluções sobre igrejas, escolas e cirurgias eletivas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

blank
Apenas cirurgias que não apresentem risco de internação em UTI no pós-operatório estão liberadas. (Foto: Diego Vara)

A Secretaria da Saúde do Paraná publicou três novas resoluções sobre o funcionamento de igrejas e templos religiosos, aulas presenciais e procedimentos cirúrgicos considerados eletivos. As novas regras para igrejas e templos religiosos, aumentam de 25% para 35% a capacidade de público presencial, preservando na íntegra as medidas de distanciamento, uso de álcool gel, utilização dos bancos e recomendando aos frequentadores as medidas preventivas de higienização das mãos e uso de máscaras. O documento mantêm a recomendação para os líderes religiosos de priorizar as cerimônias virtuais.

As cirurgias eletivas em hospitais da rede pública e privada que podem ser realizadas são as que não demandam internação em UTI no pós-operatório. A medida tem validade de 30 dias. Vale lembrar que as cirurgias eletivas são aquelas que não são emergenciais. Seguem autorizados os procedimentos realizados em ambulatórios ou hospitais que não utilizem anestésicos. A medida visa preservar a quantidade de remédios usados no tratamento da Covid-19.

blank
A Secretaria de Saude do Paraná revoga limitação de capacidade nas salas de aula. (Foto: Geraldo Bubniak/AEN)

Em relação às escolas, está revogada a capacidade máxima de 30% de alunos nas salas. Os colégios particulares terão a liberdade de convocar todos os alunos para as aulas presenciais, contanto que respeitem as medidas de distanciamento e prevenção da Covid-19. Na rede pública de ensino, as aulas continuam na modalidade online apenas.

LEIA TAMBÉM:

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:


Veja Também

blank

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

blank
X