Sócios do Clube Curitibano se mobilizam contra aumento da mensalidade

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

Clube Curitibano: reunião será de avaliação do planejamento orçamentário para 2022 (Foto: Divulgação)

Sócios do Clube Curitibano lançaram, neste fim de semana, um abaixo-assinado contra o aumento da mensalidade 2021/2022. De acordo com o texto na plataforma on-line de petições Avaaz.org, o reajuste seria de 9,47% e entraria em votação nesta terça-feira (14).

“O Clube está com caixa inflado, fazendo obras para todo lado e querem aumentar a mensalidade”, diz um trecho da petição encaminhada à Ouvidoria do clube por Eliane M. Ainda no texto, os sócios falam sobre a economia feita pelo clube durante a pandemia, período em que os associados não puderam usufruir dos espaços.

LEIA TAMBÉM:

Em nota, o Clube Curitibano diz que na reunião desta terça-feira o Conselho Deliberativo irá avaliar o planejamento orçamentário proposto para o exercício de 2022. “A proposta não prevê aumento real de mensalidades. O documento enviado para apreciação do Conselho vai avaliar o repasse de parte do índice inflacionário acumulado ao longo dos últimos 12 meses”, diz a nota.

Até o final da tarde desta segunda-feira (13), o abaixo-assinado contava com cerca de mil assinaturas.

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

2 comentários em “Sócios do Clube Curitibano se mobilizam contra aumento da mensalidade”

  1. Avatar

    Ola
    Facil Repassar aumentos, parece os Governadores, empurram impostos , o vlr da mensalidade com esse caixa, da pra Manter em ritmo normal o fluxo de caixa.
    Afinal , Pandemia fechou muitos negocios e quebrou alguns. Deve haver mobilizacao muito grande contra esse tipo de medida, pode custar caro depois. Abs

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X