DESKTOP

Agora é lei: soltar fogos de artifício com estampido é proibido em Curitiba

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

fogos de artificio curitiba
A lei permite fogos de artifício com efeitos de cores, os ditos fogos luminosos, que produzem efeitos visuais sem tiro, das categorias A e B. (Foto: Divulgação)

Entrou em vigor a partir deste domingo (20) a lei sancionada em 2019 pelo prefeito Rafael Greca que proíbe soltar fogos de artifício com estampido em Curitiba. Além da apreensão e destruição do material, está prevista a aplicação de multas de R$ 5,3 mil a R$ 18 mil, de acordo com a gravidade da infração, relacionada à intensidade dos fogos, não interrupção ou reincidência.

A proposição veio da Câmara Municipal de Curitiba e dispunha sobre a proibição da queima, soltura e manuseio de fogos de artifício e artefatos pirotécnicos de alto impacto ou com efeitos de tiro em recintos fechados e ambientes abertos, em áreas públicas e locais privados, em todos os períodos do ano.

LEIA TAMBÉM:

Podem ser usados fogos de artifício com efeitos de cores, os ditos fogos luminosos, que produzem efeitos visuais sem tiro, das categorias A e B (fogos de vista, sem estampido; foguetes com ou sem flecha, sem bomba; além dos “pots-à-feu”, “morteirinhos de jardim”, “serpentes voadoras” e outras equiparáveis.

A fiscalização será feita pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente e pela Guarda Municipal. A lei, concebida principalmente para a proteção animal, também beneficia crianças, especialmente as portadoras do Transtorno do Espectro Autista, e idosos, que também sofrem com o barulho dos fogos.

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:

Veja Também

3 comentários em “Agora é lei: soltar fogos de artifício com estampido é proibido em Curitiba”

    1. blank

      Hoje, 24/12/2020, meus 3 cachorros já estão aqui tremendo de medo dos rojões que continuam soltando mesmo com a Lei já em vigor. Se está assim hoje, só imagino o que será a virada do ano. Mais um fim de ano em que os bichinhos estão sofrendo e eu me pergunto onde está a fiscalização e o respeito. Infelizmente ouço rojões de tudo quanto é lado, mas não sei nem quem dedar pra que tome uma multa. Porém enquanto não atingir o bolso de alguns, não haverá conscientização.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X