União Europeia credencia Tecpar para oferecer exame sorológico antirrábico

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Da Redação

Além de comprovar a vacinação, é preciso provar que o animal já possui anticorpos, para ingressar na União Europeia. (Foto: Divulgação)

O Instituto de Tecnologia do Paraná é o primeiro laboratório da região Sul credenciado pela União Europeia para realizar os exames sorológicos antirrábicos em animais. Com o credenciamento, o Tecpar pode fazer o Teste de Sorologia Antirrábica, uma exigência legal para que os animais possam embarcar para países europeus. Essa concessão foi pela agência francesa Anses-Nancy (laboratório de referência da UE).

Viajantes que têm como destino países do bloco europeu e que queiram levar consigo seus animais precisam solicitar a laboratórios credenciados o teste que comprove que eles tenham anticorpos formados pela vacina antirrábica – ou seja, para ingressar na União Europeia não basta comprovar a vacinação, mas sim que o animal já possui anticorpos.

O diretor-presidente do Tecpar, Jorge Callado, explica que esse credenciamento foi possível porque o instituto tem experiência para fazer essa análise também para humanos, já que o Laboratório de Ensaios in vitro do Tecpar faz a análise de titulação sorológica antirrábica para os colaboradores da empresa que atuam na produção da vacina antirrábica veterinária.

“O teste exigido pela Organização Mundial de Saúde (OMS) é feito para confirmar se a pessoa vacinada com a antirrábica produziu os anticorpos capazes de neutralizar o vírus da raiva e está realmente imunizado. O credenciamento do Tecpar na área veterinária é um reconhecimento internacional de que as atividades do instituto atendem a padrões globais”, destaca.

LEIA TAMBÉM:

Hoje, o ensaio para humanos é voltado exclusivamente para atender os colaboradores do Tecpar, mas a intenção é que o exame passe a ser destinado também a profissionais que atuam na área da saúde e fiscais agropecuários, por exemplo, que precisam comprovar a imunização.

A partir do credenciamento na União Europeia, o Tecpar faz ajustes em seu laboratório para passar a atender a demanda veterinária, a partir do segundo semestre deste ano. Os testes serão feitos pelo Laboratório de Ensaios in vitro da Divisão de Controle da Qualidade do Tecpar.

O Tecpar pode realizar o Teste de Sorologia Antirrábica, que é uma exigência legal para que os animais possam embarcar para União Europeia. (Foto: Tecpar)

Siga-nos no Instagram para ficar sempre por dentro das notícias:


Veja Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

X